Nuno Resende: "Não é por ganharmos hoje que acreditamos mais numa boa época"

Nuno Resende: "Não é por ganharmos hoje que acreditamos mais numa boa época"
Redação com Lusa

Tópicos

Declarações após o FC Porto - Benfica (2-4), para a Supertaça António Livramento, em hóquei em patins, disputada no Pavilhão Municipal de Barcelos.

Nuno Resende (treinador do Benfica): "Todas as vitórias são especiais. Esta equipa do FC Porto levou-nos à exaustão na análise. Duas equipas que lutam constantemente beneficiam disso. Hoje, tínhamos um jogo de xadrez mais uma vez, com as marcações e as ocupações dos espaços a serem fundamentais.

O facto de termos respondido ao empate com o 2-1 e ao 2-2 com o 3-2 foi crucial. E o facto de não termos falhado nas transições defensivas levou-nos a ganhar ao FC Porto. Sabíamos que iríamos conseguir. Se não fosse hoje, poderia ser mais à frente. Mas isto dá-nos confiança para a temporada.

É fundamental ganhar no Paço d"Arcos [no arranque do campeonato]. Quando se sofre mais de dois golos nestes jogos, arriscamo-nos a perdê-los, porque é muito difícil marcar três ao FC Porto. Felizmente sofremos só dois e marcámos mais

As vitórias [são importantes] se vierem num ciclo de lógica. Quando se chega a cinco finais [a contar com a época 2021/22] e ganha-se duas, as vitórias hão de chegar. Não é por ganharmos hoje que acreditamos mais numa boa época. Se perdêssemos, poderia ser mais difícil conseguir este trajeto.

A minha família tem sido fundamental para o meu equilíbrio. Queria-lhe dedicar este triunfo."

Diogo Rafael (jogador do Benfica): "Vínhamos de dois jogos, contando com a final do ano passado, em que em que começámos sempre a perder. Agora, soubemos estra a ganhar, e por duas vezes o Porto empatou, soubemos passar para a frente. Fomos guerreiros, aguentámos o caudal ofensivo do Porto, que é muito forte e acabámos por ser felizes. É um bom mote para esta época."