Dirigente do Sporting critica equipa de hóquei: "Não honraram a história"

Dirigente do Sporting critica equipa de hóquei: "Não honraram a história"

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Alcides Freire

Tópicos

Miguel Albuquerque, diretor das modalidades do Sporting, contundente

Miguel Albuquerque, diretor das modalidades do Sporting, criticou a equipa de hóquei em patins que esta quarta-feira foi goleada pelo FC Porto, por 6-0, no Dragão Arena.

"O que aconteceu aqui hoje nada tem a ver com o Sporting Clube de Portugal. Devemos todos ter a consciência disso. Principalmente quem hoje entrou dentro de campo com a camisola do Sporting CP vestida. Não honraram os nossos valores, nem a nossa história!", disse o dirigente leonino, anunciando o tom das restantes declarações.

"Temos de perceber, de uma vez por todas, que o título europeu conquistado no ano passado foi muito importante, mas já está no Museu há muito tempo. Faz parte do passado", continuou, antes de recordar o investimento feito na equipa. "Uma equipa com esta qualidade individual e com o investimento que esta modalidade tem, não pode, em menos de uma semana, ser eliminado da Liga Europeia e perder um jogo importante, como o de hoje, nas contas do título com resultados humilhantes".

Miguel Albuquerque finaliza, exigindo mais à equipa do Sporting, que agora é segunda classificada no Nacional de hóquei, "Esta equipa tem qualidade mais do que suficiente e todas as condições para continuar na luta pelo título nacional. Espero sinceramente que já no próximo encontro se lembrem do símbolo que têm ao peito, do que ele representa, e que, sobretudo alguns jogadores, controlem as suas atitudes dentro de campo. Isto é o Sporting Clube de Portugal. Quem não entender isto, não pode estar aqui", disse ao site do Sporting.