Jorge Braz recebe honoris causa pela UTAD em outubro

Jorge Braz recebe honoris causa pela UTAD em outubro
Lusa

Tópicos

Selecionador de futsal recebe honoris causa pela UTAD a 18 de outubro

O selecionador nacional de futsal, Jorge Braz, vai ser distinguido a 18 de outubro com o doutoramento honoris causa como reconhecimento pela sua "dedicação e sucesso", anunciou a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD).

"Jorge Braz destaca-se no desporto português e internacional, sendo um grande exemplo de dedicação e sucesso. As suas conquistas ao serviço da seleção nacional de futsal revelam a sua capacidade de liderança, de superação e de motivação", afirmou Emídio Gomes, reitor da academia, localizada em Vila Real.

O responsável acrescentou, citado em comunicado, que "é, por isso, uma figura que deve inspirar toda a academia e é justo que o Jorge Braz possa colocar no seu currículo este prestigiante título honorífico da UTAD".

A cerimónia de atribuição do doutoramento "honoris causa" pela UTAD vai decorrer no dia 18 de outubro e o objetivo é, acrescentou a academia, reconhecer o seu "grande exemplo de dedicação e sucesso".

Nascido em Edmonton (Canadá) há 50 anos, o selecionador nacional de futsal deu os primeiros toques na bola em Sonim, freguesia de Valpaços, distrito de Vila Real, de onde eram os seus progenitores.

Em julho de 2010 assumiu o cargo de selecionador nacional e, desde então, conquistou dois campeonatos europeus (2018 e 2022), um campeonato mundial (2021) e a Finalíssima Intercontinental (2022).

Jorge Braz esteve também ligado à UTAD, tendo treinado, entre 2001 e 2003, a equipa da Associação Académica da UTAD, vencendo pela primeira vez o campeonato nacional universitário de futsal masculino na época 2001/02.

Foi ainda professor no departamento de desporto da academia transmontana, onde lecionou a disciplina da modalidade de futsal.

"Além do seu contributo, prestígio e engrandecimento do futsal, Jorge Braz destacou-se também pela forte intervenção desta área na investigação da UTAD, onde iniciou o seu percurso profissional neste domínio", apontou ainda o reitor.

Na área do desporto, a UTAD atribuiu também, em 2016, o título de doutor "honoris causa" a Fernando Santos, atual selecionador nacional de futebol.