Benjamim do Sporting vence prémio internacional de fair-play

Benjamim do Sporting vence prémio internacional de fair-play
Redação com Lusa

Tópicos

Sporting-Benfica, de benjamins, contou com gesto de fair-play que valeu o cartão branco

O jogador de futsal do Sporting Dinis Costa, que em fevereiro protagonizou um gesto de fair-play num dérbi com o Benfica de benjamins, foi distinguido pelo Movimento Europeu pelo Fair-Play (EFPM, na sigla inglesa).

Proposto pelo Plano Nacional de Ética no Desporto (PNED), que esta quarta-feira felicitou o jovem, e pela Confederação de Desporto de Portugal, o gesto acabou por ser um dos dois distinguidos a nível europeu, na categoria Flame Award, dedicada a atletas de menos de 18 anos, ao lado do futebolista do Galatasaray Beknaz Almazbekov, do Quirguistão.

"Num jogo entre os benjamins de Benfica e Sporting, o Dinis reconheceu junto do árbitro que este se tinha enganado, que não era penálti a favor do Sporting. O árbitro deu-lhe o cartão branco", destinado a premiar comportamentos de fair-play, explicou à agência Lusa o coordenador do PNED, José Lima.

Segundo Lima, este ato "revela algum trabalho que os clubes estão a fazer neste campo", para lá do gesto individual, e também o trabalho do PNED no âmbito da ética nos escalões de formação.

"Ficámos contentes por alguém português ganhar o prémio", refere o coordenador do PNED, sobre a ação de Dinis Costa, que serviu, logo num dérbi, para dar "um sinal aos profissionais e aos seniores de qual o caminho a seguir e os gestos a ter".