Volta a Portugal: João Matias com melhor vitória da carreira

Volta a Portugal: João Matias com melhor vitória da carreira
Redação

Tópicos

Sprinter da Tavfer-Mortágua-Ovos Matinados foi imperial em Castelo Branco

João Matias, barcelense de 31 anos, venceu em Castelo Branco a segunda etapa da 38.ª Volta a Portugal, após um sprint fantástico em que não teve rivais.

Os 181,5 quilómetros desde Badajoz, num regresso histórico a Espanha, foram animados pela fuga de um quarteto, mas nos últimos 11 quilómetros a perseguição da Glassdrive-Q8-Anicolor, em defesa da camisola amarela de Rafael Reis, deixou o pelotão compacto.

O sprint foi diferente do habitual, pois a aceleração de António Carvalho, um dos líderes da Glassdrive, e de Delio Fernandez, da Atum General-Tavira, deixou um pelotão demasiado estirado.

Matias aproveitou o momento e disparou para a meta, obtendo um triunfo muito emocional para a Tavfer-Mortágua-Ovos Matinados. A equipa continua a homenagear o seu criador, o falecido Pedro Silva, que como ciclista também fora um sprinter.

O velocista da Tavfer venceu em 4h42m21s, à frente do norte-americano Scott McGill (Wildlife Generation) e do uruguaio Mauricio Moreira (Glassdrive-Q8-Anicolor).

Na geral, Rafael Reis manteve a liderança, seguido por Mauricio Moreira e pelo britânico Oliver Rees (Trinity Racing).

No domingo, os candidatos à vitória final vão ter o primeiro grande teste, com a chegada à Torre (Covilhã), uma contagem de categoria especial, 159 quilómetros após a partida da Sertã.