"Vestir esta camisola, o FC Porto é muito grande..."

"Vestir esta camisola, o FC Porto é muito grande..."
Carlos Flórido

Tópicos

Gustavo Veloso tem 35 anos, venceu as duas últimas Voltas a Portugal e vestiu pela primeira vez o equipamento do clube que defenderá na luta pelo tri. Do FC Porto fala com entusiasmo

Já sentiu o corpo magro quando vestiu pela primeira vez o fato de treino do FC Porto, sinal de que tem treinado, fez testes biomecânicos na Bike Treino, em Barcelos, e falou com O JOGO pouco depois de chegar a Valongo, onde estagiará até domingo. Gustavo Veloso vai liderar a W52-FC Porto-Porto Canal e falou, em português, como um homem que ainda é "mais do Norte" do que os portuenses.

Chegou a pensar que ia correr pelo Sporting e hoje veste-se à FC Porto...

"Não faz muito sentido pensar assim, porque na realidade estive sempre na mesma equipa. Houve uma mudança de patrocinador, com uma diferença: nunca imaginei vestir a camisola de uma entidade tão importante como o FC Porto. E do Sporting apenas soube por jornalistas, com o FC Porto foi diferente."

Identificava-se mais com algum dos clubes?

"Da minha carreira, de 15 ou 16 anos de profissional, seis deles foram aqui, no Norte. Passei a profissional no Boavista. Sabia bem o que era o peso do futebol no ciclismo. Mas entre o Boavista - onde até estava quando foram campeões nacionais - e o FC Porto as dimensões não são comparáveis. O FC Porto é muito grande."

Não respondeu...

"Eu moro na Galiza, sou ainda mais do Norte... Gosto de estar no Porto. Os grandes têm muitos adeptos e em Portugal eles sentem o clube de forma intensa. Se calhar mais do que em outros países. O entusiasmo que noto aqui não há em muito lugares e também se vê no ciclismo. Os estrangeiros que fazem a Volta a Portugal ficam sempre surpreendidos com a quantidade de pessoas que estão na estrada. Há voltas de países bem maiores do que Portugal onde não existe este carisma.

TODA A ENTREVISTA NA EDIÇÃO E-PAPER E IMPRESSA