Valverde vence etapa e Kruijswijk reforça liderança

Valverde vence etapa e Kruijswijk reforça liderança

O ciclista espanhol Alejandro Valverde venceu ao sprint a 16.ª etapa da Volta a Itália, batendo na montanha o holandês Steven Kruijswijk que, ainda assim, reforçou a liderança.

Os dois ciclistas disputaram o sprint que consagrou o espanhol, impondo-se no fim dos 132 quilómetros, entre Bressanone e Brixen-Andalo, com tirada terminada em alta montanha, em 2:58.54 horas. O russo Ilnur Zakarin (Katusha), que completava o trio em fuga, chegou a oito segundos.

Valverde, de 36 anos, ganhou pela primeira vez uma etapa no Giro, fruto do seu ataque a 17 quilómetros da meta, que levou Steven Kruijswijk na 'roda', ao qual se juntou depois o russo.

O colombiano Esteban Chaves, segundo da geral, ainda conseguiu minorar perdas maiores, mas, entre atrasos e bonificações, ficou mais longe 48 segundos, estando agora a exatamente três minutos de Kruijswijk, que hoje resistiu a todos os ataques.

O italiano Vincenzo Nibali (Astana), que tentou surpreender, perdeu 'gás' na parte final e chegou apenas em 11.º, a 1.47.

Com isso, perdeu o terceiro lugar do pódio, agora ocupado por Valverde, a 3.23 do líder, baixando para quarto, a 4.43, com apenas sete segundos de vantagem para Zakarin.

André Cardoso (Cannondale) foi 23.º, a 5.28, e manteve o 20.º lugar, agora a 31.36.

A 17.ª etapa disputa-se quarta-feira com 196 quilómetros entre Molveno e Cassano D'Adda, terminando com cinco quilómetros vocacionados para os 'sprinters'.