Tiago Antunes o melhor português na Volta a França do Futuro

Tiago Antunes o melhor português na Volta a França do Futuro

Tiago Antunes foi o melhor português na Volta a França do Futuro em bicicleta.

Tiago Antunes foi o melhor português na Volta a França do Futuro em bicicleta, concluindo a prova este domingo no 30.º lugar, depois de a nona e última etapa, ganha pelo russo Pavel Sivakov, ter confirmado a vitória final do colombiano Egan Arley Bernal

Numa tirada de 107,4 quilómetros com passagem no 'gigante' Col de la Madeleine (24,7 km a 6,2%), coincidente com contagem de montanha de categoria especial, e final no Col du Mollards, de primeira categoria, Sivakov ganhou isolado, com 2.31 segundos de vantagem sobre o norte-americano Neilson Pawless, enquanto o grupo do camisola amarela chegou passados 3.01 minutos.

André Carvalho chegou no 36.º lugar, a 13.05 do vencedor, e foi o melhor corredor luso nesta etapa alpina, enquanto Tiago Antunes chegaria a 20.21, no 57.º posto.

Na geral, Egan Arley Bernal ganhou com a 1.09 minutos de avanço sobre o belga Bjorg Lambrecht e 1.12 em relação ao dinamarquês Niklas Eg. Tiago Antunes foi 30.º, a 30.41, Hugo Nunes terminou em 41.º, a 40.40, José Neves foi 49.º, a 45.11, e André Carvalho concluiu em 59.º, a 52.15.

"A nossa prestação foi boa nas primeiras etapas, planas e com discussão ao sprint, nas quais conseguimos estar na luta pelos primeiros lugares. Esperávamos estar melhor na reta final, nas três etapas de montanha, mas acusámos o facto de ser a primeira participação destes corredores, que não estão habituados a provas com tantos dias", comentou o selecionador, José Poeira, citado pela assessoria da Federação Portuguesa de Ciclismo.