Maria Martins foi 26ª classificada na clássica Brabantse Pijl

Maria Martins foi 26ª classificada na clássica Brabantse Pijl

Antes da prova belga, a ciclista portuguesa, 19 anos, brilhou no Troféu Villa de Noja, terceira prova da Taça de Espanha de ciclismo, ao vencer a corrida, disputada em 7 de abril.

A ciclista Maria Martins (Sopela Women's) foi, esta quarta-feira, 26ª classificada na clássica Brabantse Pijl, em Gooik, Bélgica, vencida ao sprint pela belga Sofie de Vuyst (Parkhotel Valkenburg).

Vuyst, de 32 anos, completou os 136,7 quilómetros da tirada em 3:28.56 horas, batendo sobre a meta a italiana Marta Cavalli (Valcar Cylance), segunda classificada, e a norte-americana Coryn Rivera (Sunweb), terceira.

Maria Martins, de 19 anos, fez apenas o segundo dia de prova do calendário internacional de estrada em 2019, depois do 12º lugar na Volta à Comunidade Valenciana, em fevereiro, e chegou a 5.37 minutos da vencedora, no 26º posto.

A ciclista portuguesa foi este ano 14.ª classificada na prova de omnium nos Mundiais de ciclismo de pista, em março, depois de se ter sagrado campeã nacional das várias especialidades de pista em janeiro.

Fora do calendário internacional, Martins brilhou no Troféu Villa de Noja, terceira prova da Taça de Espanha de ciclismo, ao vencer a corrida, disputada em 7 de abril.