Giro: Dumoulin abandona devido a uma lesão

Giro: Dumoulin abandona devido a uma lesão

O ciclista desmontou da bicicleta ao quilómetro 95 da 11.ª etapa, entre Modena e Asolo, de 227 quilómetros, após dias de tratamento infrutífero a uma irritação

O ciclista holandês Tom Dumoulin (Giant), primeiro líder da Volta à Itália, abandonou a prova transalpina esta quarta-feira, devido a uma lesão no períneo, zona do corpo em contacto com o selim.

O contrarrelogista de 25 anos, sexto na Volta à Espanha de 2015, depois de a liderar até à última etapa de montanha, desiste do Giro, quando era 29.º, a 11.42 minutos do líder, o luxemburguês Bob Jungels (Etixx-QuickStep).

Dumoulin venceu o contrarrelógio da etapa inaugural, ainda na Holanda, e envergou a camisola rosa durante seis dias.

O holandês tinha estabelecido o contrarrelógio como o grande objetivo do ano, em preparação da especialidade para os Campeonatos do Mundo e para os Jogos Olímpicos Rio'2016.

Dumoulin junta-se ao espanhol Mikel Landa (Sky), ao suíço Fabian Cancellara (Trek Segafredo) e ao alemão Marcel Kittel (Etixx-QuickStep) na lista das principais desistências.