Volta a Portugal: Luís Gomes faz a festa da Kelly-Simoldes-UDO

Braga, 12/08/2022 - 83ª Volta a Portugal em Bicicleta, 7ª etapa Santo Tirso - Braga Meta em Braga Luis Gomes vencedor da etapa (Pedro Correia / Global Imagens)

 foto Pedro Correia / Global Imagens

Foi uma fuga a chegar isolada a Braga, uma novidade nesta 83.ª edição.

Luís Gomes, gaiense de 27 anos da Kelly-Simoldes-UDO​​​​​​, venceu a sétima etapa da Volta a Portugal, entre Santo Tirso e Braga, sendo o mais rápido entre os seis ciclistas que se destacaram da fuga que dominou a etapa. Frederico Figueiredo, da Glassdrive-Q8-Anicolor, continua de camisola amarela vestida.

Os 150,1 quilómetros foram animados por uma fuga de 15 ciclistas, que chegaram a ter mais de quatro minutos de vantagem. Foi a primeira vez que uma escapada vingou nesta Volta, tendo Gomes e Joaquim Silva, da Efapel, chegado a rodar isolados na subida do Sameiro.

Na descida o grupo cresceu até seis elementos, com Gonçalo Leaça (LA Alumínios-Credibom-MarcosCar) e o espanhol Txomin Juaristi (Euskatel-Euskadi) a discutirem o sprint com Luís Gomes.

Foi o terceiro triunfo do gaiense na Volta, depois dos de 2019 e 2020.

Na geral, Frederico Figueiredo manteve sete segundos de avanço sobre o colega uruguaio Mauricio Moreira e 38 sobre Luís Fernandes (Rádio Popular-Paredes-Boavista), mas André Cardoso, quinto classificado, foi o mais prejudicado no final. Atrasando-se no Sameiro, o trepador da ABTF Betão-Feirense perdeu 50 segundos para os outros homens que discutem a geral.

A oitava etapa corre-se este sábado, tendo 182,4 quilómetros entre Viana do Castelo e Fafe, com quatro contagens de montanha.