"Há coisas na etapa e eu sou uma pessoa que não gosta de estar mal com os outros"

Mauricio Moreira

 foto LUSA

Declarações de Mauricio Moreira (segundo na geral individual) no final da sexta etapa da 83.ª Volta a Portugal em bicicleta, disputada entre Águeda e Maia, no total de 159,9 quilómetros:

Conversa com Joaquim Silva no final da etapa: "São coisas de ciclistas, coisas de etapa. Fui falar com ele, porque o conheço, estivemos juntos na Caja Rural. Às vezes, há coisas na etapa e eu sou uma pessoa que não gosta de estar mal com os outros. É uma situação perfeitamente normal, passar a meta e pedir desculpas."

Melhoria: "Hoje, estava melhor. Ontem [quarta-feira], sabia que ia ser um dia difícil. É um bocadito de física: uma subida tão dura com 70 quilos é lógico que ia passar mal. Estava à espera disso, mas por acaso consegui gerir bastante as forças e, hoje, o corpo ia a sofrer, mas ia melhor."

Família: "Daqui a duas horas, acho que já chegam [família] aqui. A viagem já estava planificada, não é por causa da Volta, mas que a Volta esteja a correr assim e eles venham é uma alegria enorme. Só espero poder continuar em boa forma para poder dar mais uma alegria".