A duas semanas do início, Volta a França do Futuro é cancelada

A duas semanas do início, Volta a França do Futuro é cancelada
Redação com Lusa

Tópicos

Devido à pandemia, a prova já tinha sido redimensionada e reduzida para seis dias, de 14 a 19 de agosto.

A Volta a França do Futuro prevista para meados de agosto foi hoje cancelada pelos organizadores da prova para ciclistas com menos de 23 anos devido a motivos sanitários relacionados com a covid-19.

"Aparentemente é complicado assegurar pela maior parte dos selecionadores o respeito escrupuloso das precauções sanitárias dentro de uma prova que acolhe 23 equipas oriundas de Europa, África, Ásia e América", explicou a organização.

Devido à pandemia, a prova já tinha sido redimensionada e reduzida para seis dias, de 14 a 19 de agosto.

A Alpes Velo, que organiza o evento, critica a "disparidade de garantias sanitárias" exigidas, que obrigam à "necessidade de uma bolha hermética".

Os promotores esperam que em 2021 a competição possa recuperar o seu formato habitual com 10 dias em agosto.

Entre os vencedores da Volta a França do futuro estão alguns dos nomes mais fortes do pelotão internacional como Nairo Quintana, Esteban Chaves, Warren Barguil, Miguel Ángel Lopez, Marc Soler, David Gaudu, Egan Bernal e Tadej Pogacar.

O português Rui Costa foi segundo em 2008.