Premium O segredo das vitórias da Oliveirense: dos números às soluções

O segredo das vitórias da Oliveirense: dos números às soluções
Paula Capela Martins

Tópicos

Arrumando com FC Porto e Benfica nos últimos três títulos, a equipa de Norberto Alves tem a melhor defesa e destaca-se pelo jogo coletivo. Alberto Babo ajudou-nos a estudar os campeões nacionais.

A Oliveirense conquistou no domingo a Taça Hugo dos Santos, somando o terceiro troféu consecutivo (depois do título nacional em 2017/18 e da Supertaça) e acabando com a hegemonia do FC Porto e Benfica, uma novidade no basquetebol. Para ajudar a explicar o sucesso da equipa de Oliveira de Azeméis, Alberto Babo, um dos mais ilustres treinadores portugueses, atualmente no Maia Basket e que foi campeão pelo FC Porto, analisou ao detalhe a equipa de Norberto Alves.

"A Oliveirense vale muito pelo seu coletivo, tem uma equipa que gosta de defender, que o faz muito bem e que é extremamente eficiente no contra-ataque, mas que também sabe jogar em cinco para cinco", referiu o técnico, detalhando: "Tem jogadores de perímetro capazes de lançar e penetrar. Tem dois bases inteligentes e rápidos e que são fortes no pick and roll. Também tem jogo interior; um poste forte [Eric Coleman], mais um extremo-poste belga [Thomas de Thaey] de 2,06 metros, que desequilibra. Se lhe derem espaço, ele marca. A equipa tem mais dois jogadores portugueses [Balseiro e Guerreiro] que rodam bem e complementam o cinco."