Treinador do Benfica revoltado: "Impedidos de festejar no nosso próprio autocarro"

Eugénio Rodrigues

 foto Twitter/ Eugénio Rodrigues

Eugénio Rodrigues, treinador da equipa feminina de basquetebol do Benfica, mostrou-se indignado após a festa da conquista da Taça Vítor Hugo ter sido interrompida pelo motorista do autocarro das águias.

Eugénio Rodrigues, treinador da equipa feminina de basquetebol do Benfica, mostrou-se esta segunda-feira indignado por o motorista do autocarro das águias ter, segundo o mesmo, "impedido" o grupo de celebrar a conquista da Taça Vítor Hugo.

"Impedidos de festejar no nosso próprio autocarro porque ao motorista lhe fazia dores de cabeça os cânticos do SL Benfica. Transportadora Barraqueiro, 25 de Abril sempre. Vergonha... Iremos continuar a celebrar cada vitória do Glorioso até que a voz nos doa, venha quem vier, até da Barraqueiro. Somos Benfica. Enquanto eu for treinador do Glorioso, vamos cantar o nosso clube mesmo que isso signifique estar horas bloqueado numa estação de serviço e chegar de madrugada a Lisboa. Somos Benfica e ninguém nos calará", relatou o técnico na conta pessoal de Twitter.

O Benfica conquistou no domingo a 14.ª edição da Taça Vítor Hugo, prova de abertura das competições femininas de basquetebol, ao vencer o GDESSA Barreiro, na final, por 71-55.