Atletas do Braga a postos para serem de novo campeãs de corta-mato

Atletas do Braga a postos para serem de novo campeãs de corta-mato
Redação com Lusa

Tópicos

A campeã individual da última edição, Mariana Machado, terá agora a seu lado a regressada Jéssica Augusto e ainda Lia Lemos, o que não deixa 'grandes hipóteses' à concorrência, com o Feirense a apontar para ser, de novo, vice-campeão

O Braga é o grande favorito para vencer em femininos os Nacionais de corta-mato, no domingo, na Amora (Seixal), no que deverá ser o regresso das minhotas ao título nacional que lhes escapa desde 1999.

A campeã individual da última edição, Mariana Machado, terá agora a seu lado a regressada Jéssica Augusto e ainda Lia Lemos, o que não deixa 'grandes hipóteses' à concorrência, com o Feirense a apontar para ser, de novo, vice-campeão.

Na corrida masculina, o Benfica, liderado por Samuel Barata, o campeão em título, é o mais forte, contando ainda com Miguel Moreira, campeão de sub-23 que faz agora a sua primeira época no escalão principal.

O Sporting, tradicional potência do crosse, sobretudo desde o desaparecimento do Maratona e da Conforlimpa, vai tentar reconquistar o troféu e tem uma equipa equivalente ao rival, mas aposta sobretudo na prova de estafetas mistas, na qual a luta é também com o Benfica.

Na apresentação da prova, na quarta-feira, na Amora, foi destacada a 'dureza' do circuito, que agrada a Samuel Barata. "O percurso estava bastante rápido, mas a organização conseguiu prepará-lo para ter mais alguma dificuldade, que é característica de uma prova de corta-mato. Penso que ficou em boas condições e está tudo preparado para domingo, vou dar o meu melhor", disse o atleta, após treinar já na Amora.

Miguel Moreira, natural de Almada, destacou o facto de a 99.ª edição dos campeonatos "se realizar em casa". "Embora o circuito seja novo, já corri aqui muitas vezes e isso é vantajoso. Conheço bem o local e as pessoas, que são muito ativas e sinto aqui sempre muito apoio e muita paixão pelo atletismo, isso é muito bom para o apoio aos atletas, o que é um fator também muito importante", disse.

Alexandre Figueiredo, melhor luso no recente crosse de Italica, Sevilha, é outro elemento em destaque nas 'águias', que também inscreveram os internacionais Simão Bastos, Duarte Gomes, André Pereira e Etson Barros.

Treinados pelo 'lendário' João Campos, o técnico dos sucessos de Fernanda Ribeiro, os benfiquistas são favoritos para a revalidação do título.

O Sporting leva Miguel Marques, vice-campeão nacional, e Rui Teixeira, o terceiro do ano passado, e ainda o antigo campeão Rui Pinto. Miguel Borges e Fernando Serrão, ambos atletas do top-10 da última época, são candidatos a fechar a equipa.

A nova época traz sobretudo mudanças profundas para os lados do Braga, com a campeã nacional, Mariana Machado, a contar com o apoio da ex-sportinguista Jéssica Augusto, que foi terceira no ano passado, e de Lia Lemos, igualmente vinda dos 'leões' e quinta nos últimos campeonatos.

Desde 1999 que o Braga não é campeão, mas parece que desta vez é quase certo. Sara Duarte e Vanessa Carvalho fecham a equipa.

Para serem campeãs, as sportinguistas terão de superar a perda de Jéssica Augusto e Lia Lemos, num ano em que Salomé Rocha e Catarina Ribeiro se mostraram em forma menos boa. O Sporting recebe das bracarenses a experiente Susana Francisco, mas não deve dar para equilibrar.

Em luta pelo título está, sim, o Feirense, que tem Neide Dias, segunda no ano passado, Solange Jesus, quarta, e Susana Godinho, sétima. A dificuldade em fechar a equipa poderá ser ultrapassada com a contratação da 'veterana' Sara Moreira, capaz de equilibrar na luta pelo lugar mais alto do pódio.

Nas estafetas, o título do Várzea não deve ter continuidade, já que este ano Sporting e Benfica 'acordaram' para a especialidade, muito na ótica também das qualificações para os Europeus.

O Benfica terá Camila Gomes (vice-campeã júnior) e os internacionais Marta Pen e Isaac Nader, com um quarto elemento que poderá ser José Carlos Pinto, e pelo Sporting avançam a olímpica Salomé Afonso e o reforço Patrícia Silva, com Nuno Pereira e Tomás Silva ou David Pereira.