FC Porto e Sporting empatam e perdem os primeiros pontos no campeonato

FC Porto e Sporting empatam e perdem os primeiros pontos no campeonato

Empate a 29 golos no Dragão Arena. As duas equipas seguem com os mesmos pontos na liderança do campeonato de andebol.

FC Porto e Sporting mantiveram a invencibilidade na liderança do campeonato nacional de andebol, ao empatarem 29-29, num clássico da 12.ª jornada marcado pela incerteza quanto ao vencedor até ao apito final. No Dragão Arena, os campeões nacionais chegaram ao intervalo a vencer por 16-13, mas permitiram a recuperação dos leões na etapa complementar, culminando o clássico com um resultado que reflete o equilíbrio das duas formações.

O ponta esquerda Diogo Branquinho destacou-se pelos azuis e brancos, ao marcar oito golos, enquanto as ações ofensivas do ponta direito romeno Valentin Ghionea sobressaíram, com sete tentos, a favor dos lisboetas.

Depois de uma dupla jornada na Liga dos Campeões, FC Porto e Sporting continuam a partilhar a liderança do campeonato, com 35 pontos, mais três que o Benfica, terceiro classificado.

Fruto de uma defesa sólida e de um ataque eficaz, os pupilos de Magnus Andersson impuseram desde cedo o ritmo do encontro e vincaram a sua superioridade no primeiro tempo, aproveitado as falhas técnicas "leoninas" para conquistar uma vantagem de seis golos (13-7) aos 21 minutos.

Menos produtiva no último terço, a formação de Thierry Anti demorou a corrigir posicionamentos, mas aumentou a agressividade com bola, embora só tenha conseguido reduzir para metade a diferença (16-13) antes do intervalo.

A subida do rendimento forasteiro adquiriu outra visibilidade após o reatamento, com o Sporting a igualar a contagem aos 35 minutos (17-17), num remate de área a área do guarda-redes Aljosa Cudic, dois minutos antes de Frankis Carol inverter os acontecimentos pela primeira vez (18-19).

Apesar da quebra ofensiva, o FC Porto manteve os "leões' à distância máxima de dois golos e conseguiu resgatar o empate nos minutos finais, ao capitalizar a introdução de sete jogadores de campo e algumas defesas vistosas do recém-entrado Thomas Bauer.

Jogo no Dragão Arena, no Porto.

FC Porto - Sporting, 29-29.

Ao intervalo: 16-13.

Sob a arbitragem de Mário Coutinho e Ramiro Silva, as equipas alinharam e marcaram:

- FC Porto (29): Alfredo Quintana, Djibril M'Bengue (2), Rui Silva (7), Daymaro Salina, Diogo Branquinho (8), André Gomes (3) e Miguel Pinto (3). Jogaram ainda Víctor Iturriza (4), Miguel Martins, Alexis Borges, Thomas Bauer e Fábio Magalhães (2).

Treinador: Magnus Andersson.

- Sporting (29): Manuel Gaspar, Pedro Valdés (5), Carlos Ruesga (2), Frankis Carol (3), Arnaud Bingo (2), Valentin Ghionea (7) e Luís Frade (5). Jogaram ainda Aljosa Cudic (1), Tiago Rocha, Nemanja Mladenovic, Ivan Nikcevic e Marko Vujin (4).

Treinador: Thierry Anti.

Marcha do marcador: 3-2 (05 minutos), 6-5 (10), 9-7 (15), 12-7 (20), 13-9 (25), 16-13 (intervalo), 17-15 (35), 19-20 (40), 23-23 (45), 26-26 (50), 28-29 (55) e 29-29 (final).

Assistência: cerca de 2.000 espetadores.