FC Porto chegou a sonhar, mas sai da Macedónia derrotado pelo campeão europeu

FC Porto chegou a sonhar, mas sai da Macedónia derrotado pelo campeão europeu

Partida da segunda jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões

O FC Porto perdeu este domingo com os macedónios do Vardar por 32-27, numa partida da segunda jornada do Grupo B da Liga dos Campeões.

Os dragões chegaram a dominar o atual campeão europeu, saindo para o intervalo em vantagem (14-16), mas não conseguiram repetir a receita para a segunda parte, havendo reviravolta no marcador.

No Centro de Desportos Jane Sandanski com capacidade com seis mil espectadores, os azuis e brancos causaram surpresa na primeira metade, chegando a ter uma vantagem de quatro golos (10-14) com a ajuda de Diogo Branquinho (quatro golos no mesmo número de remate durante a primeira meia hora).

No regresso dos balneários, os macedónios tiveram reação rápida e, em poucos minutos deram a volta ao resultado, beneficiando das exibições tremendamente eficazes de Ivan Cupic (sete golos em oito remates) e Daniil Shishkarev (cinco em cinco). Dainis Kristopans não esteve tão certeiro como os colegas, mas terminou como um dos melhores marcadores (sete golos em 12 tentativas).

Ao ver a diferença avolumar-se, também com algum azar á mistura (várias bolas portistas deram no ferro), Magnus Andersson parou o jogo, mas o melhor que o FC Porto conseguiu a dada altura foi encurtar para três golos (28-25).

Os polacos do Kielce são o adversário que se segue, na terceira jornada, num desafio agendado para o próximo sábado (19h00), na Dragão Arena.