"É uma questão mental e de confiança, mas acredito que vamos melhorar"

"É uma questão mental e de confiança, mas acredito que vamos melhorar"
Redação com Lusa

Tópicos

Declarações após o jogo FC Porto-Veszprém (25-38), da segunda jornada do grupo A da Liga dos Campeões de andebol, disputado esta quarta-feira no pavilhão Dragão Arena.

Magnus Andersson (treinador do FC Porto): "Com um resultado destes não podemos estar satisfeitos com a performance. Apesar de termos melhorado algumas coisas em relação a jogos anteriores, não estivemos ao nosso nível e este é um mau resultado.

Sabíamos que íamos jogar contra uma das melhores equipas do mundo, e não quis colocar pressão nos atletas. Disse para irem para o jogo e se divertirem, mas não tivemos confiança nas nossas capacidades.

Cometemos alguns erros e falhámos várias oportunidades, o que, contra adversários com grande qualidade como este, paga-se caro.

Retiro como positivo as boas chances que criámos, e mesmo que a finalização não tenha sido melhor, conseguimos chegar com perigo à baliza do adversário. Mas temos muitas coisas a melhorar.

É uma questão mental e de confiança, mas acredito que, com trabalho duro, vamos melhorar, porque temos qualidade para isso."

Jack Thurin (jogador FC Porto): "É difícil lidar com um resultado destes. Não podemos estar contentes quando perdemos. Temos de melhorar. Em vários períodos até fizemos as coisas bem, mas falhámos muito na finalização. Se assim não fosse, o jogo seria muito mais equilibrado. Podemos e vamos melhorar."