A recomendação de Magnus Andersson que levou o FC Porto à vitória na Champions

A recomendação de Magnus Andersson que levou o FC Porto à vitória na Champions

Treinador dos dragões revelou o que disse aos jogadores ao intervalo do embate frente ao Meshkov Brest, que o FC Porto acabou por vencer (27-15), apesar de ter chegado ao intervalo a perder por 15-9.

Equipa nervosa na primeira parte: "Foi importante ganharmos este jogo. Na primeira parte, a nossa equipa esteve algo nervosa. Estivemos bem a defender, mas o adversário foi marcando golos a partir dos nossos erros com bola".

Recomendação ao intervalo: "Ao intervalo recomendei que tomássemos mais riscos. Jogámos muito melhor na segunda parte e criámos um conjunto de boas oportunidades a partir do sete para seis. Fomos disciplinados a defender e não concedemos tantos golos. Estou feliz e orgulhoso pela equipa, que nunca desistiu e lutou para ser feliz".

Djibril M'Bengue (jogador do FC Porto)

"Acho que jogámos muito mal na primeira parte. Não conseguimos marcar muitos golos, mas na segunda parte estávamos mais focados, fizemos mais remates e fomos crescendo golo a golo".