Presidente da Nigéria também envia dinheiro à seleção

Presidente da Nigéria também envia dinheiro à seleção

Perante a ameaça de greve dos jogadores ao jogo com a França, Goodluck Jonathan assegurou que o ministro dos Desportos vai ao Brasil com um carregamento de notas.

Os jogadores da seleção da Nigéria reclamaram à federação do país o pagamento imediato do prémio relativo à passagem aos oitavos de final do Mundial, ameaçando não comparecer ao jogo com a França, agendado para segunda-feira, e o presidente do país, Goodluck Jonathan já interveio para garantir que o ministro dos Desportos, Tamuno Danagogo, vai deslocar-se ao Brasil com dinheiro vivo para liquidar a quantia em dívida.

Os futebolistas nigerianos negaram-se a treinar na sexta-feira, manifestando-se reticentes em voar para Brasília, mas a intervenção do presidente fez serenar os ânimos.