"Dificilmente sairei sem ser campeão"

"Dificilmente sairei sem ser campeão"

Assumindo a existência de propostas, o capitão leonino recusa a saída enquanto não conquistar todos os objetivos que definiu, a começar pelo maior título nacional... que lhe falta

A temporada realizada no Sporting colocou Adrien na mira de vários clubes, mas o capitão dos leões recusa sair para já. "Dificilmente sairei sem ser campeão. É o último objetivo que tinha e que ainda não cumpri no Sporting: jogar no plantel profissional, ser capitão e campeão", revelou, ele que venceu de verde e branco todos os títulos na formação.

O médio referiu que "têm chegado propostas", algo que "acontece com regularidade", sublinhando que o mesmo sucedeu aos colegas. E entre eles há um muito pretendido: João Mário. Cobiçado por PSG, Manchester United, Chelsea e Atlético de Madrid, o camisola 17 tem em Adrien um fã. "Gostava que ficasse. Quanto mais jogadores de grande qualidade o Sporting tiver, mais fácil será atingir o que quer. O João fez uma grande época e tem mais para dar", referiu ontem, num evento de uma marca desportiva.

Assumindo que "toda a gente viu a evolução da equipa com Jorge Jesus", Adrien lamentou o segundo lugar na Liga. "Foi difícil para todos. Temos a consciência tranquila, mas faltou felicidade no fim", declarou, recusando-se a comentar os parabéns dados por Luís Filipe Vieira, líder do Benfica, ao Sporting. Ainda assim, revelou já ter dado os parabéns a Renato Sanches. "O respeito faz parte da nossa paixão. Quem não sabe perder não sabe ganhar", disse, contrariando Bruno de Carvalho e Jorge Jesus sobre a justiça do campeão. "Isso não existe no futebol. O importante é que eles [o Benfica] é que foram campeões", atirou, reforçando: "Fizemos uma grande época, mas não interessa quem joga melhor ou pior, interessa é quem ganha."