Assaidi no negócio Ilori

Extremo que Liverpool ofereceu agrada à SAD

O extremo marroquino Oussama Assaidi pode reforçar o plantel à disposição de Leonardo Jardim no âmbito da transferência de Tiago Ilori para os ingleses do Liverpool. Segundo O JOGO apurou, o jogador de 24 anos foi sugerido pelos responsáveis dos reds como forma de baixar as exigências financeiras efetuadas pelos dirigentes leoninos, quando, na semana passada, fizeram chegar a Alvalade uma proposta de 4,2 milhões de euros, mais 800 mil euros mediante o cumprimento de objetivos, pelo central de 20 anos. O ingresso de Assaidi no Sporting está a ser equacionado, para já, mediante uma cedência por empréstimo, sendo que grande parte do vencimento que o atleta aufere terá de ser pago pelo Liverpool, já que a SAD verde e branca não dispõe de capacidade financeira, de momento, para ir além dos 500 mil euros anuais.

Depois de ter investido cerca de quatro milhões de euros na contratação do internacional marroquino - que representava os holandeses do Heerenveen e assinou até 2016 -, o Liverpool acabou por não retirar benefício da aposta efetuada, já que Assaidi efetuou apenas quatro jogos na Liga inglesa, sempre como suplente utilizado, e mais nove, entre Liga Europa e Taça da Liga inglesa. Agora, os reds procuram colocá-lo em outro emblema, de modo a valorizar o atleta e recuperar o valor desembolsado.

O Liverpool, como O JOGO oportunamente deu conta, vai insistir na contratação de Tiago Ilori, procurando baixar o preço de sete milhões de euros fixado pela SAD como valor mínimo de negociação, jogando com o nome Assaidi, mas também com uma dívida existente por parte do Sporting. É que os leões ainda têm de regularizar o pagamento na ordem de um milhão de euros pela transferência do lateral-esquerdo Emiliano Insúa para Alvalade, em agosto de 2011.