Nani iguala Fernando Couto no terceiro lugar dos mais internacionais

Nani iguala Fernando Couto no terceiro lugar dos mais internacionais

Extremo do Valência coroou a 110ª internacionalização com um golo, frente à Nova Zelândia.

Nani passou a ser, em conjunto com Fernando Couto, o terceiro jogador da história com mais jogos pela Seleção portuguesa, ao somar a sua 110ª internacionalização frente à Nova Zelândia, em jogo da fase de grupos da Taça das Confederações.

Em São Petersburgo, o extremo português, de 30 anos, foi lançado na partida aos 67 minutos e igualou o antigo defesa-central na lista de futebolistas que mais vezes vestiram a camisola das Quinas, numa partida em que marcou o quarto golo da Seleção, na goleada por 4-0.

Nascido a 17 de novembro de 1986, Nani começou o seu trajeto na Seleção A a 1 de setembro de 2006, ainda antes de trocar o Sporting pelo Manchester United.

A 25 de junho no ano passado, nos oitavos de final do Euro'2016, em Lens, o extremo alcançou os 100 jogos. Na sua carreira na Seleção, o jogador do Valência conta 23 golos.

À sua frente neste momento estão apenas Cristiano Ronaldo e Luís Figo.