"Fernando Santos tem a melhor matéria-prima do mundo"

"Fernando Santos tem a melhor matéria-prima do mundo"
Redação com Lusa

Tópicos

Ricardo, antigo guarda-redes da Seleção, elogia a qualidade das opções à disposição do técnico.

O antigo guarda-redes Ricardo defende que Portugal dispõe "da melhor matéria-prima do mundo" e mostra-se confiante numa "fantástica" tripla jornada de qualificação para o Mundial de 2022, contra Azerbaijão, Sérvia e Luxemburgo.

"O mister Fernando Santos tem, felizmente, da melhor matéria-prima que existe no mundo. A grande dificuldade do mister é escolher só 20 e poucos atletas, porque tem um lote fantástico. Seja quem for, a qualidade está sempre garantida, a coesão. É fantástico o grupo que temos, o país que temos", analisou à agência Lusa o ex-guardião, de 45 anos.

A equipa das quinas estreia-se no Grupo A na quarta-feira, com a receção ao Azerbaijão, deslocalizada de Alvalade para Turim, em Itália, por culpa da pandemia da covid-19.

Esta fase fica marcada por ser a primeira vez que se disputará uma tripla ronda numa de fase de qualificação, para Mundiais ou Europeus, algo que Ricardo define como "fantástico" e explica porquê.

"O momento que atravessamos, que já vem de há longos anos, é a paixão, a sintonia e o querer dos atletas de estarem juntos no seio da seleção. Se forem três ou quarto [jogos] não tem qualquer tipo de problema, antes pelo contrário, ainda une mais os jogadores, ainda reforça os laços de profissionalismo e a amizade entre eles. Só tem tudo a ganhar. Para mim, a jornada tripla é fantástica", justificou o ex-internacional luso, por 79 vezes.

O embate com a Sérvia, no sábado, é "teoricamente" o que poderá colocar maiores adversidades a Portugal, mas o antigo dono das "redes' lusas frisa que "vai depender do momento de cada seleção e das incidências das partidas".

A formação das quinas concentra-se esta segunda-feira e estreia-se no Grupo A de apuramento para o Mundial Catar'2022 na quarta-feira, com a receção ao Azerbaijão, em Turim, casa da Juventus, na qual alinha o "capitão" luso, Cristiano Ronaldo.

Depois do embate com os azeris, Portugal cumpre fora os outros dois jogos da primeira jornada tripla, defrontando a Sérvia, em Belgrado, no sábado, e o Luxemburgo, na Cidade do Luxemburgo, três dias depois. Os três jogos começam às 19h45 (em Portugal continental).

Para garantir uma oitava participação, e sexta consecutiva, no Mundial, cuja edição de 2022 se realiza entre 21 de novembro e 18 de dezembro, Portugal precisa de vencer o agrupamento, sendo que o segundo classificado jogará um play-off.