Fernando Santos no final do nulo de Dublin: "Empatar ou ganhar 5-0 era a mesma coisa"

Fernando Santos no final do nulo de Dublin: "Empatar ou ganhar 5-0 era a mesma coisa"
Redação

Declarações do selecionador nacional, no final do encontro com a República da Irlanda (0-0)

Jogo: "Satisfeito? Com o resultado, naturalmente. Com a exibição, não conseguimos pegar. Empatar ou ganhar 5-0 era a mesma coisa. Foi um resultado muito positivo, Portugal sabe que a Sérvia tem de jogar no nosso estádio para ganhar o jogo. Agora, obviamente, queríamos ganhar. Não foi para isso que viemos. Tivemos sempre muita dificuldade para lidar com adversário muito físico. Não conseguimos ligar o jogo. Não conseguimos controlar com bola. As bolas iam para o guarda-redes, pontapé na frente e, depois, a bola era ganha pelos irlandeses. Não conseguimos ligar o jogo. Concedemos muito espaço ao adversário, que conseguiu pegar no jogo. Os jogadores tentaram, mas tivemos muitas dificuldades. Podíamos ter feito mais. Na primeira parte, conseguimos criar algumas situações. Ao intervalo, tentámos retificar. Pensei que a equipa ia melhorar, mas não deu. Os jogadores lutaram, tentaram, mas não deu."

Poupança: "Não poupei jogadores por amarelo. Nunca sabes, num jogo destes, como é que os jogadores estão. Gostava de ter o Pepe, mas vou dormir descansado. A questão era como estávamos condicionados. Quando um jogador vai com amarelo, por muito que esteja habituado, pode sempre ir com esse pensamento. Foi uma poupança emocional."

Portugal no Mundial? "Sim, convencido que vamos estar no Mundial. Acredito muito nos meus jogadores. Estamos numa situação de vantagem e acho que a vamos manter porque estes jogadores têm uma capacidade enorme de qualidade e e de espírito de conquista e de sacrifício para levarem Portugal a ser apurado no próximo domingo para o Campeonato do Mundo".