Pepe após o Portugal-Uruguai: "Agradeço ao meu clube, o FC Porto"

Pepe

 foto EPA

Pepe

 foto AFP

Declarações de Pepe, titular no Portugal-Uruguai (2-0), partida do grupo H do Mundial'2022

Mês e meio sem jogar 90 minutos: "Antes de mais, tenho de agradecer ao mue clube, o FC Porto. Vocês não sabem, mas tive uma lesão chata. Trabalhei muito bem no clube, que me deu possibilidade de estar a 100 por cento na Seleção. Sinto-me feliz, agradeço aos meus companheiros. Trabalhámos forte para dar o melhor pelo país, para poder representar bem Portugal."

Estar no Mundial: "Tinha esse bichinho de poder disputar mais um Mundial, o meu quarto, mas acima de tudo destaco o trabalho coletivo. Fomos uma equipa muito madura, contra uma equipa que nos eliminou no último Mundial de forma injusta. Hoje houve muita personalidade, muita bola. Eles fecharam-se, mas reagimos bem. Na primeira parte houve um lance deles, mas fomos muito superiores na segunda parte. Soubemos sofrer, saímos em contra-ataque para matar e conseguimos o 2-0".

A convocatória: "Se não me sentisse bem não era justo estar nos 16. Tento dar o melhor para ajudar a seleção e quando o míster precisa de mim, estou sempre disponível."

Próximo jogo: "Temos de ter muito respeito pela Coreia, fazer o nosso trabalho, entrar para vencer independentemente do que se passar no grupo do Brasil. Temos de seguir o nosso caminho e dia 2 vamos entrar para ganhar o jogo."

Ambiente na seleção: "Temos uma equipa muito unida, muito bons profissionais. Esse é o caminho, com humildade, vamos dar tudo pelo nosso povo".