Wolves: dois portugueses que estiveram "em todo o lado" e um "pormenor de classe"

Wolves: dois portugueses que estiveram "em todo o lado" e um "pormenor de classe"

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Equipa orientada por Nuno Espírito Santo entrou a vencer na Premier League e houve dois portugueses em plano de destaque.

O Wolverhampton entrou com o pé direito na edição 2019/20 da Liga inglesa, ao vencer no reduto do Sheffield United por 2-0, na segunda-feira.

Os golos foram marcados por Raúl Jiménez e Romain Saiss, ambos servidos por portugueses: Daniel Podence e Pedro Neto.

A dupla lusa foi titular - assim como Rui Patrício e João Moutinho, Vítor Ferreira entrou na segunda parte - e mereceu rasgados elogios da imprensa britânica, nomeadamente devido à disponibilidade física evidenciada por ambos.

"Jogando livre em diversas ocasiões, Neto abriu espaços e causou problemas à defensiva dos 'blades'. Assistiu para o cabeceamento de Saiss e lutou para fazer a equipa subir no terreno", assinala o Express & Star sobre Pedro Neto, a quem atribui nota 8, a mesma dada a Podence:

"Como Neto, esteve em todo o lado, especialmente na primeira parte. A forma como deixou Lundstram para trás antes de servir Jiménez foi um pormenor de classe. Pode ser um jogador muito importante esta época", pode ler-se no mesmo jornal.

Recorde os golos dos Wolves na vitória sobre o Sheffield United: