Ronaldo manteve Bruno Fernandes ocupado durante os protestos dos adeptos do Manchester United

Ronaldo manteve Bruno Fernandes ocupado durante os protestos dos adeptos do Manchester United

Enquanto alguns jogadores do Manchester United iam espreitando pela janela para ver o que estava a acontecer nos protestos, Bruno Fernandes preferiu manter-se sempre no quarto a ver o Unidese-Juventus, onde Cristiano Ronaldo marcou dois golos.

Na antevisão ao jogo da segunda mão das meias-finais da Liga Europa, Bruno Fernandes foi questionado sobre os acontecimentos de domingo, em que adeptos do Manchester United protestaram contra os irmãos Glazer, donos do clube, obrigando mesmo ao adiamento do jogo com o Liverpool. O português contou o que esteve a fazer durante aquelas horas, algo diferente de muitos companheiros de equipa.

Se muitos jogadores foram apanhados a espreitar da janela dos quartos de hotel - os protestos aconteceram no hotel onde a equipa estava hospedada e também no estádio -, Bruno Fernandes preferiu cumprir com os conselhos da equipa de segurança e manteve-se a ver futebol: o Udinese-Juventus, em que Cristiano Ronaldo brilhou ao marcar os dois golos da vitória na parte final.

"Eu estava no meu quarto a ver o Udinese-Juventus. Não tentei sair, fiz o que os seguranças disseram e fiquei no meu quarto. O mais importante é que toda a gente tem algo a dizer", referiu o médio.

De recordar que o jogo da primeira mão, disputado em Manchester, terminou com um 6-2 favorável aos red devils.