Pedido aceite: Hernâni foi autorizado pelo Levante a mudar de clube

Pedido aceite: Hernâni foi autorizado pelo Levante a mudar de clube
Redação com Lusa

Em caso de não conseguir transferir-se, o extremo português, sem qualquer minuto oficial em 21/22, sairá a custo zero no final da presente época

O avançado português Hernâni foi autorizado pelo Levante a procurar uma nova equipa para prosseguir carreira, mas tem apenas uma semana para o fazer, revelou, esta quarta-feira, o presidente do clube da Liga espanhola.

"Oxalá encontremos esse lugar para que ele possa continuar a jogar futebol, desvinculando-se do clube", disse o presidente do Levante, Quico Catalán, indicando que o extremo esquerdino tem até ao dia 24 de setembro para regressar a Valência.

De acordo com o dirigente, o ex-FC Porto e V. Guimarães pediu ao emblema espanhol para deixar o clube, uma vez que ainda existem campeonatos que mantêm mercado aberto, por ventura insatisfeito por não ter participado em nenhum dos quatros jogos oficiais.

Caso não encontre uma nova equipa até à data limite (dia 24), Hernâni, atualmente com 30 anos, vai cumprir o contrato com o Levante, que expira em junho de 2022, até ao fim, segundo indicou o presidente do emblema do país-vizinho.

Hernâni chegou ao clube "azulgrana" na temporada 2019/20, proveniente do FC Porto, tendo feito três golos e duas assistências em 23 encontros, seguindo-se, na época seguinte, um empréstimo ao Al-Wehda, da Arábia Saudita (cinco tentos em 28 jogos).