Paulo Torres ajuda a formar treinadores na Guiné-Bissau

Paulo Torres ajuda a formar treinadores na Guiné-Bissau

Treinador português é selecionador nacional da Guiné-Bissau.

O antigo jogador internacional português Paulo Torres, atual selecionador nacional de futebol da Guiné-Bissau, vai ajudar a formar treinadores naquele país, anunciou a Federação guineense.

A Federação de Futebol da Guiné-Bissau (FFGB) abriu um curso para 45 treinadores de base que trabalham diretamente com crianças, explicou o vice-presidente do organismo, Carlos Teixeira. O curso vai decorrer durante sete dias, é orientado pelo técnico guineense Abu Mané e contará com a participação do selecionador do país, o português Paulo Torres.

Em declarações aos jornalistas, à margem da cerimónia da abertura da formação, Paulo Torres considerou que este é "um dia importante para o desenvolvimento do futebol da Guiné-Bissau". "Estes treinadores são os guardiões da esperança de um futuro melhor para o futebol guineense, pois é do seu trabalho que iremos colher frutos daqui a alguns anos", observou.

O vice-presidente da FFGB e responsável pela área do desenvolvimento do desporto-rei, Carlos Teixeira, referiu que o trabalho dos 45 técnicos que ensinam as crianças nas escolas e academias de futebol "é complicado, mas muito importante". "Lidar com crianças não é uma tarefa fácil, mas, acreditem, o vosso trabalho é o caminho certo para o futuro do nosso futebol", destacou Carlos Teixeira, antigo internacional guineense que jogou futebol profissional em clubes portugueses e suíços.

Para o número dois da Federação, a ação dos técnicos de formação de base não poderá falhar porque é a partir dela que o país poderá pensar em ter jogadores como Messi, Ronaldo e outros.

A FFGB tem vindo a organizar nos últimos dois anos cursos de formação para treinadores de jogadores seniores, treinadores de guarda-redes, de futebol feminino e agora também daqueles que lidam com crianças.

O português Paulo Gonçalves "Russo", adjunto de Paulo Torres e especialista em treino de guarda-redes e metodologias técnicas, também vai transmitir aos formandos a sua experiência.