"Ninguém entende a situação do João"

"Ninguém entende a situação do João"
Pedro Ribeiro

Tópicos

Paco Rausell, porta-voz da claque Curva Nord, sublinha a perplexidade dos adeptos do Valência pela exclusão do lateral luso João Pereira

A boa época realizada até ao momento pelo Valência (é 3º, atrás do líder Real Madrid e do Barcelona) está a ser ensombrada pelo afastamento de João Pereira. O lateral português foi titular nas duas últimas épocas, mas na atual não tem sido convocado pelo treinador Nuno Espírito Santo. Uma situação que os adeptos valencianos não entendem e pedem seja clarificada pelo clube, conforme esclareceu Paco Rausell, porta voz da Curva Nord, a O JOGO.

"Desde que chegou ao Valência, o João foi dos poucos jogadores que uniram o balneário nas alturas difíceis. Agora, não joga e ninguém entende porquê", questiona o membro da claque que nos dois últimos jogos do Valência em casa demonstrou o seu apoio ao jogador com tarjas. "Já perguntámos, eu pessoalmente já perguntei ao clube e disseram-me que se trata de uma decisão técnica. Mais do que isso ninguém diz aos adeptos", reforça Paco Rausell, recordando que, "mesmo sem jogar, o João é aquele que mais deixa a pele nos treinos". "Treina com alegria, força e está sempre a incentivar os companheiros. É um grande profissional", sintetiza o membro da Curva Nord, sublinhando que a ""afición" apoia o João, como se pode ver nos estádios e nas redes sociais".

Paco Rausell não questiona diretamente as opções de Nuno Espírito Santo porque, diz, "há que saber distinguir as situações". "O Nuno está a fazer um grande trabalho, tem o apoio dos adeptos, mas bastava uma explicação simples. Dizer que o João não joga por este ou aquele motivo", salienta o elemento da Curva Nord, crente na saída de João Pereira já em janeiro, pois o contrato acaba no fim da época. "É triste. O futebol às vezes é injusto e agora tocou ao João", sintetiza Paco Rausell.