Jota: "Estar no Celtic é o melhor neste momento. Não sei o que o Benfica está a pensar"

Jota: "Estar no Celtic é o melhor neste momento. Não sei o que o Benfica está a pensar"
Redação

Internacional português, motivado pelo pecúlio em solo escocês, dá asas à ambição e confia em ir longe. "Só tenho de trabalhar muito e continuar humilde", nota

Em indelével destaque no Celtic, pelo qual já fez sete golos e seis assistências em 16 jogos, Jota, que se diz "muito feliz" no clube, considerou que atuar na Escócia é o que mais se lhe adequa agora, porém ambiciona, crente na capacidade, subir patamares.

"Estar no Celtic é o melhor neste momento. Mas não quero parar por aqui. Sei o que posso fazer e não vou parar até chegar onde devo", projetou o extremo cedido pelo Benfica, do qual desconhece a sua avaliação ao rendimento exibido no Celtic. "Não sei o que o Benfica está a pensar, mas a minha família e amigos estão obviamente felizes por mim", referiu Jota, em conferência de Imprensa.

Apesar do brilhantismo do seu desempenho, até ao momento, nesta época, Jota evidencia ter consciência do que acarreta uma carreira de um futebolista, pelo que evita "caminhar" nas nuvens. Trabalho é como que palavra de ordem.

"O que está feito está feito e não posso parar. Preciso fazer mais e mais. O sucesso é algo que pode vir muito rápido, mas também pode ir muito depressa. Por isso, só tenho de trabalhar muito e continuar humilde", juntou o extremo.

O internacional português, emprestado pelo Benfica ao Celtic em 2021/22, poderá ser comprado em definitivo pelo clube escocês a troco de 7,5 milhões de euros. Em outubro passado, foi eleito o melhor jogador da I Liga escocesa.