Paulo Fonseca explica opção pela Roma e deixa promessa: "Vai acontecer, tenho a certeza"

Paulo Fonseca explica opção pela Roma e deixa promessa: "Vai acontecer, tenho a certeza"

Em entrevista divulgada no site oficial do clube italiano, o treinador português explicou o que os adeptos podem esperar da sua equipa.

Paulo Fonseca foi na terça-feira oficializado como treinador da Roma, após três anos nos ucranianos do Shakhtar Donetsk, onde conquistou inúmeros títulos.

Em entrevista divulgada no site oficial do clube italiano, o treinador português explicou o porquê da mudança para Itália e o que os adeptos podem esperar da sua equipa.

"Primeiro de tudo, espero uma equipa corajosa. Uma equipa que quer jogar contra as equipas grandes e pequenas da mesma forma. Temos de construir uma equipa competitiva, que pode jogar com qualidade e com um estilo de jogo que orgulhe os adeptos. Para mim a qualidade é muito importante. Claro que queremos ganhar, é o principal objetivo, mas para mim ganhar não é suficiente", começou por dizer.

"Gosto de ganhar, mas também gosto de ver as nossas ideias implementadas no campo. Os adeptos devem ir para casa dizer que a equipa jogou bem e que ganhou porque os jogadores foram corajosos. Isso é muito importante para mim" continuou, para depois explicar o facto de ter escolhido o emblema romano mesmo após grandes êxitos na Ucrânia.

"Sempre quis treinar numa das maiores ligas da Europa e a italiana é uma das mais fortes. A Roma é um dos maiores clubes na Europa, eu sou muito ambicioso e era um dos meus principais objetivos. Quando essa oportunidade surgiu, após três anos de grande sucesso na Ucrânia, senti que era o momento certo para sair e tentar realizar o meu sonho", afirmou.

O técnico português foi ainda questionado sobre o facto da Liga italiana ser conhecida por ser muito tática, algo que não o assusta, bem pelo contrário.

"É por isso que o futebol italiano me entusiasma: é muito tático e muito difícil. Todos os jogos são um grande desafio para o treinador. Estou muito motivado em criar algo com a nossa equipa, algo que possa surpreender as outras equipas. Trabalhamos todas as semanas para surpreender a outra equipa. Será um grande desafio, mas nós adoramos desafios como esse. Há muitas equipas fortes em Itália e penso que esta época será mais competitiva do que nunca. Antonio Conte está de volta, eventualmente o Maurizio Sarry também, e muitos jogadores importantes estão aqui. As equipas estão a ficar cada vez mais fortes e isso é fantástico para o futebol", explicou.

Quanto a promessas, Fonseca deixou apenas uma: "A única coisa que posso prometer é construir uma equipa competitiva e corajosa. Como já tinha dito, tenho a certeza que vamos construir uma equipa com a qual os adeptos podem ficar orgulhosos. Vai acontecer, tenho a certeza. Uma equipa corajosa e ambiciosa. E se tens esses ingredientes, tens mais possibilidades de ganhar", concluiu.