Ex-treinador do Flamengo dispara contra Jesus: "É um problema de caráter"

Ex-treinador do Flamengo dispara contra Jesus: "É um problema de caráter"

Paulo César Carpegiani não gostou de ver a atitude do treinador português quando Abel Braga ainda orientava a equipa.

Jorge Jesus sucedeu a Abel Braga no comando técnico do Flamengo, mas o processo da troca de treinador no clube rubro-negro não agradou a todos.

Nomeadamente a Paulo César Carpegiani, histórico treinador do "Fla", que falou em "falta de caráter" do técnico português e da direção do emblema do Rio de Janeiro na hora de substituir Braga.

"Não concordo com a atitude que ele [Jorge Jesus] tomou num jogo entre o Atlético Mineiro e o Flamengo, para o campeonato brasileiro, quando esteve em Minas Gerais, e toda a imprensa noticiou que ele foi ver o Atlético. Mas, na realidade, ficou comprovado mais tarde com a sua contratação, que ele já estava a ser contactado e veio ver o jogo do Flamengo. A direção errou também, os dirigentes erraram . Para mim é um problema de caráter. E o Abel saiu muito sentido, muito magoado. Isso não se faz. A direção e, principalmente, um profissional da capacidade e da condição de Jesus, que está à frente de um grande clube, um clube campeão mundial, um clube de grande tradição, com grande torcida... A atitude não me satisfaz. Essa atitude foi errada! Problema de caráter", atirou Carpegiani, de 70 anos, que, apesar do reparo, não deixou de elogiar o trabalho levado a cabo por JJ:

"Tem feito enorme sucesso por causa da sabedoria e inteligência. Tem mérito nesta bela equipa do Flamengo, com belas contratações. Fez um bom trabalho", ressalvou, em entrevista à rádio brasileira Sagres 730.