Bernardo revela que o treinador só o via a lateral: "Jorge Jesus não me queria"

Bernardo revela que o treinador só o via a lateral: "Jorge Jesus não me queria"

Médio confessa dificuldades no Benfica de Jorge Jesus ao El País

Bernardo Silva já era um talento em grande ascensão, mas Jorge Jesus não estava disposto a arriscar utilizá-lo na equipa principal do Benfica.

Para o treinador, o lugar do médio era na equipa B e, segundo conta o agora jogador do Manchester City, Jesus quis até transformá-lo em lateral.

"Não foi num treino, foi numa pré-temporada inteira. Eu vinha da equipa B com a intenção de ficar e tentar jogar na equipa principal. Mas o treinador não contava comigo. Só fiz um jogo na liga e no fim da época disse-me que queria que eu voltasse para a equipa B. Eu percebi que tinha que sair e foi então que apareceu o Mónaco. Na minha primeira época lá, fomos terceiros na Liga Francesa, jogámos os quartos da Champions e aprendi ao lado de jogadores como Tiago, Carrasco, Moutinho, Ricardo Carvalho, Fabinho... Entre isso e ter ficado no Benfica B, acho que foi melhor sair, não?", questionou, numa entrevista publicada esta quarta-feira no jornal espanhol El País.

"Quando me promoveram à equipa principal do Benfica com 19 anos não foi fácil. Desde pequeno que o meu sonho era estrear-me na equipa principal do Benfica. Era a minha equipa do coração e queria lá chegar. mas quando lá cheguei percebi que o jesus não me queria", prosseguiu.

Bernardo confessa agora, inclusive, que nunca esperou chegar onde está hoje: "Há sempre dúvidas. Quando tens 14 ou 15 anos, se não jogas na formação... Muitas vezes não jogava porque era mais baixo do que os outros. Não jogava! Há sempre dúvidas, não sabes se vais conseguir. Quando cheguei à equipa B comecei a acreditar que podia ser profissional, mas nunca imaginei que chegaria ao nível da Premier League e muito menos ao Manchester City", rematou.