Premium A influência de Bruno Fernandes: muito mais que um batedor de penáltis

A influência de Bruno Fernandes: muito mais que um batedor de penáltis
António Pires

Tópicos

Os golos, as assistências e as grandes penalidades sofridas são estatísticas relevantes, mas que não fazem jus ao valor acrescentado que o internacional português trouxe ao futebol dos red devils.

A liga inglesa terminou no passado domingo e se a equipa do ano foi o Liverpool, campeão destacado após 30 anos de jejum, o melhor conjunto desde fevereiro foi o Manchester United, coincidindo este período com a presença de Bruno Fernandes nos red devils.

O antigo médio dos leões entrou em Inglaterra como um autêntico furacão: além de ter sido o jogador com maior influência direta em golos (ver infografia) nas últimas 14 jornadas - marcou oito tentos e realizou sete assistência, para além de ter sofrido dois dos quatro penáltis que transformou -, foi determinante no elevar da qualidade de jogo da equipa treinada por Solskjaer e na forma como fez subir individualmente o rendimento dos colegas.