Wolves evitam terceira derrota consecutiva com golo português aos 96 minutos

Wolves evitam terceira derrota consecutiva com golo português aos 96 minutos

Equipa orientada por Nuno Espírito Santo empatou a uma bola com o Crystal Palace, em Londres.

O Wolverhampton empatou este domingo no reduto do Crystal Palace, 1-1, em partida da sexta jornada da Premier League.

A formação orientada por Nuno Espírito Santo evitou a terceira derrota consecutiva - tinha perdido com o Everton (3-2) e com o Braga (1-0) para a Liga Europa - em cima do apito final, graças a um golo de Diogo Jota no período de compensação, aos 96 minutos, que "anulou" o autogolo de Dendoncker aos 46'.

Além do avançado, Rui Patrício e João Moutinho também foram titulares nos Wolves (Rúben Neves e Pedro Neto foram lançados na segunda parte), que surgem na penúltima posição da tabela classificativa da Liga inglesa, com quatro pontos e sem qualquer triunfo.