UEFA deve confirmar Skenderbeu fora da Champions por manipulação de resultados

UEFA deve confirmar Skenderbeu fora da Champions por manipulação de resultados

Afastamento da equipa albanesa deverá ser formalizado depois da decisão do TAS.

A UEFA confirmou esta quarta-feira que deverá formalizar o afastamento dos albaneses do Skenderbeu da Liga dos Campeões 2016/2017, na sequência do processo de manipulação de resultados.

Em junho, o Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) deu razão à UEFA e recusou o recurso apresentado pelo clube, confirmando o afastamento dos albaneses da Liga dos Campeões da presente temporada.

Em causa estão quatro jogos da época de 2015/16, dois da Liga dos Campeões e dois da Liga Europa, um dos quais envolvendo o Sporting (5-1), que a UEFA, com base no volume anómalo de apostas, suspeitou terem sido viciados por parte da equipa albanesa.

A UEFA explicou que a sanção imposta ao clube albanês era "preliminar", devendo agora o organismo de cúpula do futebol europeu "adotar medidas disciplinares reais".

A decisão do TAS, que confirmou o castigo aplicado pela UEFA em 1 de junho, legitimou ainda o método utilizado pelo organismo que tutela o futebol europeu na deteção de manipulações de resultados, tendo como base a monitorização dos jogos com padrões estatísticos e matemáticos.

Habitualmente é a polícia que verifica se há distorção ou falsidade em determinados resultados suspeitos, através de investigação, mas a UEFA conta também com o seu próprio método de rastreio, em colaboração com a empresa suíça Sportradar, e que com a decisão de hoje o TAS reconheceu e validou.