Taça Emir: Al Sadd, de Xavi Hernández, vence o Al Rayyan, de James e Brahimi

Taça Emir: Al Sadd, de Xavi Hernández, vence o Al Rayyan, de James e Brahimi
Redação

Após empate no tempo regular (1-1), o Al Sadd venceu o Al Rayyan nas grandes penalidades (5-4).

O Al Sadd, do treinador espanhol Xavi Hernández, venceu esta sexta-feira o Al Rayyan, do ex-Fc Porto, James , e garantiu o título da Taça Emir. A conquista surgiu nas grandes penalidades, por 5-4, após o empate no tempo regular (1-1). A final marcou a inauguração do estádio Al Thumama, o quinto já terminado para a Mundial do Catar no próximo ano

Com mais um título, Xavi soma agora sete como treinador do Al Sadd. O espanhol já venceu a Supertaça do Catar em 2019; e em 2020 conquistou três títulos, Taça Catari Stars, Taça Catari e a Taça Emir.

O Al Rayyan abriu o marcador no minuto 45 por Brahimi, outro ex-FC Porto. O Al Sadd empatou na segunda parte, aos 58 minutos, com Santi Cazorla. A vitória da equipa de Xavi veio apenas, então, nas grandes penalidades. Para o Al Rayyan foi Shoja Khalilzadeh quem falhou o penálti máximo e Jung Woo-young marcou o último golo, o do título para o Al Sadd.