Suárez e a saída do Barcelona: "Quando uma porta se fecha, sete portas maiores se abrem..."

Suárez e a saída do Barcelona: "Quando uma porta se fecha, sete portas maiores se abrem..."
Redação

Avançado tem sido uma das figuras de destaque do Atlético de Madrid, que está cada vez mais perto de se sagrar campeão espanhol.

Luis Suárez, em longa entrevista concedida à revista "Club del Deportista", abordou a mudança do Barcelona para o Atlético de Madrid, no mercado de verão passado, transferência que ficou envolvida por alguma polémica, estando agora o avançado muito perto de se sagrar campeão nacional pelos colchoneros.

"Eu gosto de desafios. E vir para aqui era um grande desafio para mim, por muitas razões. No ano passado recebi críticas e as pessoas diziam que não podia competir por coisas importantes ou que não podia competir a um nível elevado em Barcelona. E isso dá-te um desafio a nível individual que, ao chegar ao Atlético, me fez querer continuar a provar que existe uma razão para estar na elite do futebol, que existe uma razão para ter passado tantos anos a demonstrar o tipo de jogador que sou", começou por dizer o uruguaio.

"E vivi-o como um grande desafio e com muito entusiasmo. Não me arrependo nada, pelo contrário, estou muito entusiasmado e ansioso por continuar a mostrar o que posso fazer. Não me arrependo de ter vindo para aqui. Quando uma porta se fecha, sete portas maiores se abrem. O Atlético é uma grande família, ninguém pensa que é melhor do que alguém. Há uma competitividade muito saudável", concluiu.