Sancidino Silva ilibado de violação em Liverpool

Sancidino Silva ilibado de violação em Liverpool

O antigo futebolista do Benfica Sancidino Silva foi ilibado por um tribunal britânico da acusação de violação de uma mulher enquanto esta dormia em junho passado.

A decisão foi tomada por um júri e com apenas meia hora de deliberação, relata esta sexta-feira o jornal local Liverpool Echo, concluindo assim um julgamento que durou cinco dias no Tribunal Criminal de Liverpool.

Sancidino Silva, de 20 anos, tinha sido acusado de violação por uma mulher de 24 anos, que alegou que os factos terão ocorrido enquanto dormia, no final de uma noite em que, confessou durante o interrogatório, tinha bebido álcool em excesso e consumido cocaína.

Natural da Guiné Bissau, o avançado encontrava-se em Inglaterra na altura para prestar provas para um clube escocês.

Segundo o Liverpool Echo, o jovem negou que tenha forçado as relações sexuais e lamentou o impacto do episódio: "A minha vida está a ser destruída por causa dela. Estive oito meses sem jogar desde que este problema começou. Perdi tudo só para provar a minha inocência."

Sancidino Silva frequentou as camadas juvens do Benfica entre 2007 e 2012, tendo depois jogado durante dois anos no Benfica B, mas, em 2014, saiu após expirar o contrato.

No Reino Unido, fez testes no Celtic de Glasgow e no Nottingham Forest.