Sampaoli deixa de ser treinador do Marselha e em França revelaram o motivo

Sampaoli deixa de ser treinador do Marselha e em França revelaram o motivo
Redação com Lusa

Antigo selecionador argentino vai deixar de ser treinador da equipa do Vélodrome, dias antes do início de uma época que marcava o regresso do clube à Liga dos Campeões

O argentino Jorge Sampaoli, que chegou ao Marselha em fevereiro de 2021 e tinha contrato até 2023, deixou de ser o treinador do clube francês, informou esta sexta-feira o vice-campeão gaulês.

"O Olympique Marselha e Jorge Sampaoli comunicam a decisão conjunta de terminar a colaboração", refere o clube na sua página oficial na internet.

No mesmo comunicado, o Marselha diz que ambas as partes estão satisfeitas com o caminho percorrido, mas que, após uma "longa reflexão", entenderam que o melhor neste momento, no interesse do clube, seria romper a ligação.

Nos últimos dias, a imprensa tinha avançado que o treinador argentino, de 62 anos, estaria de saída, insatisfeito com a falta de investimento do clube, que, a par de Paris Saint-Germain e Saint-Etienne, todos com 10, é o que mais títulos de campeão tem.

Ainda hoje, o presidente do Marselha, que na última época foi segundo classificado, a 15 pontos do PSG, e se apurou diretamente para a Liga dos Campeões, dará uma conferência de imprensa, a partir das 17h00 (16h00 em Lisboa).