Sakho suspenso por 30 dias

A UEFA suspendeu Mamadou Sakho, do Liverpool, por 30 dias, devido ao controlo positivo do passado dia 17 de março.

A decisão do organismo é provisória até que seja tomada uma decisão final sobre o caso. O Liverpool também já tinha decidido suspender o jogador, não o afastando do grupo, até a UEFA concluir a investigação.

O defesa francês acusou uma substância para queimar calorias, numa análise realizada depois do jogo com o Manchester United, para a Liga Europa. Sakho poderia ter pedido uma contra-análise em sua defesa, mas de acordo com a imprensa inglesa, não o fez.