"Racismo? Esses idiotas nunca teriam coragem de me dizer nada na cara"

"Racismo? Esses idiotas nunca teriam coragem de me dizer nada na cara"

Kalidou Koulibaly falou sobre os casos de racismo no futebol italiano e garantiu que "em Nápoles é diferente".

Kalidou Koulibaly, defesa do Nápoles, tem sido um dos rostos da luta contra o racismo no futebol italiano. Não só por já ter sido alvo de insultos, mas também por ser uma das vozes mais ativas nesse "combate", o internacional senegalês falou ao L'Équipe e garantiu que "em Nápoles" é diferente.

"Esses idiotas que insultam nos estádios nunca teriam coragem de me dizer nada na cara, à minha frente", começou por assegurar o central, prosseguindo:

"Toda a gente diz que Itália é um país de racistas, que os estrangeiros são postos de parte, mas posso dizer que em Nápoles é diferente. Estou a viver bem na cidade, a minha família foi muito bem recebida e os meus amigos também. Quando me vêm ver, ficam felizes", contou Koulibaly, antes de voltar a abordar a temática do racismo.

"Gostava de ver essa gente a passar por aquilo que nós passamos. Magoa mesmo. As regras existem e nós conhecemo-las, mas há problemas a aplicá-las", rematou o jogador dos napolitanos.