Prometeu oferecer carro se marcassem como Ronaldo e agora vai ter de cumprir

Prometeu oferecer carro se marcassem como Ronaldo e agora vai ter de cumprir

Treinador do Grémio fez aposta com os jogadores e agora vai ter de pagar

Quando Cristiano Ronaldo, na altura ainda ao serviço do Real Madrid, marcou o famoso golo de bicicleta frente à Juventus, na Liga dos Campeões, Renato Gaúcho, treinador do Grémio - que fez alguns golos de bicicleta durante a carreira -, fez uma aposta com os seus jogadores no balneário.

"Depois do golo do Ronaldo, já sabia que iam brincar comigo. Mas, para antecipar, levei um vídeo com os meus golos de bicicleta para lhes mostrar. Um deles disse "É fácil", e eu "Então tenta". Se fizerem um golo assim no jogo, eu vou avaliar, tem de ser de bicicleta", começou por dizer o treinador na altura, explicando que não seria um carro topo de gama:

"Eu dou um carro popular por cada golo. Vou dar, sim. Mas eu é que vou analisar".

O que se calhar Renato Gaúcho não esperava era ter de cumprir a promessa. Pois bem, Luciano marcou de bicicleta no embate do Grémio frente à Chapecoense [triunfo por 1-0] e agora não há forma de fugir, embora tenha ainda tenha tentado.

"A minha bicicleta nem se compara. O carro? Ele não tem direito, não estava no grupo. Mas dou na mesma pelo golo que fez e que nos deu a vitória. Ele vai ganhar o carro, mas [a aposta] era para o outro grupo. Ele chegou agora, mas tudo bem", atirou, bem-disposto, para depois concluir:

"Ele deve estar sem dinheiro, a andar a pé. Mas não se esqueçam que era um carro popular. Carro popular dou, sem problema nenhum".

Veja o golo: