Presidente do Steaua Bucareste terá proibido jogadores vacinados contra a covid-19 de jogar

Presidente do Steaua Bucareste terá proibido jogadores vacinados contra a covid-19 de jogar
Redação

George Becali, presidente do Steaua Bucareste, é conhecido por ser bastante polémico.

A notícia é do "Daily Mail" e traz a público mais uma polémica do dono do Steua Bucareste. George Becali terá proibido os jogadores vacinados contra a covid-19 de jogarem no clube.

Citado pela mesma fonte, o líder do emblema romeno alega que os vacinados "perdem as forças".

"Vão rir-se de mim, mas se calhar até estou certo. As pessoas vacinadas perdem as forças. É algo científico. Não têm visto o caso do Rapid [Viena]? Os jogadores parece que estão a desmaiar, a dormir no chão. Todas as pessoas vacinadas perdem as forças! Também vejo isso na minha família e amigos, nos vacinados. Há alguns que não afeta, mas tem efeitos principalmente nos mais velhos", afirmou George Becali.

Entretanto, o governo daquele país já reagiu, em comunicado nas redes sociais

"Os jogadores vacinados NÃO perdem as forças após serem vacinados contra a covid-19. De um ponto de vista médico e científico, não há estudos que suportem essa afirmação. A vacinação contra a covid-19 não afeta o desempenho dos jogadores", pode ler-se.