Pioli renova pelo AC Milan até 2023, com opção para ficar até 2024

Pioli renova pelo AC Milan até 2023, com opção para ficar até 2024
Redação com Lusa

Técnico premiado depois da primeira vitória na edição atual da Liga dos Campeões

Stefano Pioli renovou contrato com o AC Milan até junho de 2023, com mais uma época de opção, informou esta sexta-feira o clube italiano no seu sítio na Internet.

"Agradeço ao clube por me ter dado a oportunidade de treinar uma equipa competitiva e repleta de grandes valores, algo que nunca deve faltar, e que tornam o AC Milan especial", disse o italiano Stefano Pioli, de 56 anos.

O treinador afirmou-se orgulhoso "do trabalho realizado, do bom relacionamento com a direção, do crescimento dos jogadores e da paixão demonstrada por todos os elementos do clube" e prometeu tornar o AC Milan "cada vez mais competitivo".

"Stefano [Pioli] é - devido à sua competência profissional e ao seu temperamento e personalidade - o nosso treinador ideal", afirmou o diretor do AC Milan Paolo Maldini.

De acordo com Maldini, Pioli "aceitou os valores e a estratégia do clube e a sua liderança criou uma atmosfera coesa para grandes ambições", pelo que "o objetivo é continuar a jornada iniciada e obter resultados cada vez melhores".

Pioli, que iniciou o seu percurso como treinador no Salernitana, em 2003, treinou as equipas do Chievo, Bolonha, Lazio, Inter e Fiorentina antes de chegar ao AC Milan, em outubro de 2019, num trajeto inteiramente italiano.

O treinador, que conta com 106 jogos pelo AC Milan (59 vitórias, 27 empates e 20 derrotas), conseguiu levar o clube ao segundo lugar da Série A na última temporada e, já na atual, reparte a liderança com o Nápoles, com 32 pontos em 13 jogos.

Na Liga dos Campeões, à entrada para a última jornada da fase regular, o AC Milan, que conta com o português Rafael Leão, segue na terceira posição do Grupo B, atrás do líder Liverpool, com 15 pontos, e do FC Porto, segundo, com cinco, com os mesmos quatro pontos do Atlético de Madrid, quarto.