México de Herrera mais perto do Mundial'2014

México de Herrera mais perto do Mundial'2014

Goleada à Nova Zelândia (5-1) deixa mexicanos mais perto do Brasil, num jogo em que o portista Herrera não saiu do banco.

O México deu esta quarta-feira um passo importante rumo ao Campeonato do Mundo de futebol de 2014, ao golear a Nova Zelândia, por 5-1, em jogo disputado na Cidade do México.

O defesa Paul Aguilar (32), os avançados Raúl Jiménez (40) e Oribe Peralta (48 e 80) e o experiente defesa Rafael Márquez (84) marcaram os golos dos "Aztecas", que procuram a 15.ª presença nos Mundiais.

Na primeira mão "play-off" intercontinental de qualificação entre o quarto classificado da América do Norte, Central e Caraíbas e o vencedor da zona Oceânia, a equipa de Miguel Herrera, treinador que não utilizou o portista Herrera, tida como a mais forte seleção da história do país, foi sempre mais competente e apresentar-se-á em Wellington com vantagem mais do que confortável.

A equipa de Ricki Herbert ainda tentou dar réplica, mas o melhor que conseguiu foi atenuar a pesada derrota, com tento do médio Chris James, aos 85.

Depois de um jejum de 28 anos, entre o Espanha1982 e o África do Sul'2010, a Nova Zelândia só muito dificilmente surpreenderá o mundo com presença no Brasil em 2014.