Messi vence a Bola de Ouro e deixa Cristiano Ronaldo para trás

Messi vence a Bola de Ouro e deixa Cristiano Ronaldo para trás

Craque argentino passa a ter seis, mais uma do que Cristiano Ronaldo.

O argentino Lionel Messi conquistou pela sexta vez a Bola de Ouro, prémio do France Football para o melhor jogador do ano, isolando-se na liderança do ranking, com mais um troféu do que o português Cristiano Ronaldo, terceiro classificado em 2019.

Depois dos triunfos em 2009, 2010, 2011, 2012 e 2015, o jogador do Barcelona voltou a vencer, repetindo a eleição da FIFA - que de 2010 a 2015 entregou o prémio em parceria com a revista gaulesa - como o melhor da época 2018/19.

Em 2019, o 10 argentino contabiliza 46 golos marcados e 17 assistências, em 54 jogos, sendo que, coletivamente, conquistou a Liga espanhola 2018/19 e foi terceiro na Copa América.

Quanto aos outros troféus masculinos, o guarda-redes brasileiro Alisson, do Liverpool, arrebatou o prémio para melhor guarda-redes (Troféu Yashin) e o central holandês Matthijs De Ligt, que trocou o Ajax pela Juventus, o de melhor jogador de menos de 21 anos (Troféu Kopa).

Por seu lado, a norte-americana Megan Rapinoe conquistou a Bola de Ouro feminina, repetindo a eleição da FIFA, e sucedeu à norueguesa Ada Hegerberg.